Flamengo busca título da Sul-Americana para fechar o ano em alta

Equipe rubro-negra encara o Independiente e pode levar uma taça internacional após 18 anos

O Flamengo tenta nesta quarta-feira, às 21h45, voltar a conquistar uma taça internacional após 18 anos. O time recebe o Independiente, da Argentina, precisando vencer por dois gols de diferença para se sagrar campeão da Copa Sul-Americana – vitória simples leva a partida para a prorrogação. Se no tempo extra o jogo terminar empatado, o campeão será conhecido nos pênaltis.

O time contará com um Maracanã lotado, já que todos os 52 mil ingressos para os rubro-negros foram vendidos. Os argentinos também esgotaram a sua carga, de quatro mil bilhetes.

No time carioca, o técnico Reinaldo Rueda deverá repetir a escalação da semana passada, quando o Flamengo perdeu o jogo de ida por 2 a 1. A única dúvida está no meio de campo, já que Everton está totalmente recuperado de lesão e poderá ser escolhido para a vaga de Lucas Paquetá. “Ele está disponível, está a 500%”, afirmou Rueda, que se negou a confirmar a escalação. “Teremos análise de vídeo e amanhã (hoje) defino.”

Uma das preocupações é quanto à condição física do elenco, bastante desgastado neste fim de ano. “Há dois ou três jogadores que passaram de 80% de participação em 83 jogos. Temos sete jogadores que passaram de 60% ou 70% da temporada”, considerou Rueda. “Temos alguns com ritmo de jogo, mas desgastados mentalmente. Muitos precisam de férias, mas é melhor jogar do que ficar em casa eliminado”, pontuou.

Entre os argentinos, o discurso é de confiança. Clube com mais títulos internacionais na América do Sul, o Independiente quer aproveitar o bom momento e a vantagem conquistada na partida de ida para voltar à glória após sete anos – o time foi campeão da Sul-Americana em 2010. “O Independiente recuperou muitas coisas, entre elas a mística”, disse o lateral Bustos.

AJUDA

Um título do Flamengo teria reflexo na temporada de outras três equipes. Se for campeão, o clube carioca abre uma vaga na fase de grupos da Copa Libertadores ao rival Vasco, além de colocar o Atlético-MG na fase eliminatória da competição. O Sport seria outro beneficiado, já que ganharia uma vaga na Sul-Americana de 2018.

FICHA TÉCNICA

FLAMENGO x INDEPENDIENTE

FLAMENGO – César; Pará, Juan, Réver e Trauco; Cuéllar, Willian Arão, Diego, Everton Ribeiro e Lucas Paquetá (Everton); Felipe Vizeu. Técnico: Reinaldo Rueda.

INDEPENDIENTE – Campaña; Bustos, Franco, Tagliafico e Gastón Silva; Amorebieta, Diego Rodríguez, Sánchez Miño e Meza; Barco e Gigliotti. Técnico: Ariel Holan.

ÁRBITRO – Wilmar Roldán (Fifa/Colômbia).

HORÁRIO – 21h45.

LOCAL – Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ).

Fonte: Marcio Dolzan, Estadão
Imagem destaque: Eitan Abramovich/AFP